sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

envergonhado


É difícil me deixar envegronhado. Uma cantada inesperada, um parabéns de aniversário pelo pessoal do escritório, etc costumam me deixar ruborizado.

Eis que esta semana, um amigo veio almoçar comigo no shopping.

Após nos degladiarmos para achar uma mesa, ele foi buscar o prato dele. Fui dar uma olhada geral para ver onde minhas colegas de trabalho estariam. Vai que estão do lado e eu conto altos bafos?

Dei aquela geral e não encontrei. Mas do meu lado, tinha um carinha interessante. Apenas um corredor nos separava. Primeiro, um overview... depois vi o que ele estava comendo. Depois fui me atentando aos detalhes: nariz, boca, mãos, pés.... Nisso eu vejo uma mão balançando.

- Venenooooosooooo!

Era a minha chefe e minhas colegas acenando. Elas estavam DO LADO do carinha que eu estava secando!

Eu fiquei mega-ultra envergonhado. Dei um tchauzinho e continuei mais vermelho que a roupa do papai noel. De volta ao escritório:

- Nossa, eu tava viajaaaando.
- É, a gente percebeu que você estava longe!

Longe não. Na verdade estava perto e dentro. Dentro daquela calça!!!

4 comentários:

Rafa disse...

hauahauhauahauhauahauahaha
eu sempre fico com medo quando reparo em alguém, olho em todos os lados para ver se não tem ninguém conhecido

Rafael Morello disse...

Ai... não é mole não, né? rsrs Bj

Bubbles disse...

Adorei o blog!
vou adiciona-lo a minha lista!
Beijos

Bat Biscate disse...

esse tipo de coisa sempre acontece comigo, fico morrendo de vergonha por dentro mas nao nego nem tento disfarsar pq acho que fica mais feio, finjo total desprezo como se nao estivesse ligando pra comentarios dos outros, mas acredite, no fundo eu quero morrer!!