sábado, 20 de dezembro de 2008

acompanhe a insanidade de um fã da madonna


O Madonnaonline fez uma cobertura minuto-a-minuto dos shows da Madonna no país.

Agora, no MCQBRILHA, você acompanha minuto-a-minuto os preparativos deste autor para ver a sua Divah e realizar um sonho.

20/12

6h40 - a mente desperta, apesar do corpo pedir mais tempo

7h02 – uma punhetinha para ver se relaxo e consigo dormir mais

7h40 - minha mãe acorda e começa a fazer baruhlo

8h – assisto alguns vídeos dos shows em São Paulo e no Rio no UOL vídeos - e grito.

8h40 – começo a arrumar o quarto porque é dia da diarista vir

9h – mando msg pros amigos. Apenas 2, dos 3 respondem. Um disse que estava indo para o estádio (????). estranho...iríamos todos no meu carro

9h05 – começo a fazer yoga pra aquecer o corpo e desestressar

9h15 – a ansiedade bomba e resolvi preparar os lanchinhos pra todos

10h - sendo uma biba prevenida, fiz até a chuca pra não correr risco de ficar com vontade ir no banheiro durante o show.

10h20 - aplico máscara Renew para ir com a pele macia e repuxada.

10h50 - me preparo para sair de casa e buscar as ameegas.

11h30 - Paulette Pink já está em casa. Guga está pronta e só falta a Dudetty, que parece que morreu. Não atende nem celular, nem no residencial. Começa a bater o desespero.

12h00 - Decidi não ir de carro ápós ler no madonnaonline que os estacionamentos estavam custando 100 mangos, no shopping Butantã estava R$ 150 (nosso plano original) e flanelinhas cobravam de R$ 50 a R$ 80. A dúvida era fazer a Angélica (táxi) ou ir de busão.

12h30 - Consegui falar com Dudetty e estamos todos no carro, rumo ao Morumbi Shopping! Arrasamos no estacionamento por R$20,00 - o dia inteiro.

13h - Almoço no shopping. Quem disse que entrava alguma coisa? Peguei um franguinho e salada. Ao passar pelo caixa, vi que o atendente era um cara que eu já tinha pegado. As amigas-draga foram de Burger King.

14h - Chegada ao Morumbi de táxi. Sooool tremendo na fila.

16h - Confusão na fila e a PM organiza as coisas. Quem entrou na grade, pode sair, mas pegará fila desde o final.

17h - os portões são ABERTOS! Fizemos um pit stop no banheiro e depois dei um nó no pinto. Dali pra frente, nada de líquido entra ou sai. CARALHO, a pista VIP é muito PERTO!!! Liguei descontroladamente para os amigos pra falar o quão perto ficaria da Tia.

17h30 - o pessoal resolve sentar. Tudo vira uma macarronada humana e arrasamos na amizade com outros fãs. Uma beeshinha feeeeeeeeeeeeia diz que a perna da Madonna é flácida e que ela é feia de perto.

19h - chuvisca um pouco e estamos todos ansiosos/entediados. As pernas doem, o desodorante de algumas pessoas já venceu, mas o papo tá bom. A missão de conseguir marido já era. Só tem bissinha.

20h - Pontualmente o DJ Paul Oakenfold começa a tocar. Repete o mesmo setlist de rádio de quinta-feira: Rihanna, Justin Timberlake, entre outros. O pessoal não resiste e solta um "7 Melhores", "Jovem Páaan", "Energia 97!", além das vaias e do "ih, fora".

20h35 - Ele coloca Rappa, mas não agrada. Ele fez um set totalmente fora do foco do público gay. O pessoal começa a dar tchauzinho pra ele, gritando "Bye bye"

21h - Nada daquela vaca da Madonna aparecer. O estádio demorou a encher, mas estava lotado.

21h30 - apagam-se as luzes. É a melhor parte do show. É a certeza de que não tem volta: daqui a pouco, a rainha entrará no palco. Começa a "fábrica de doces" da Madonna e eu não paro de gritar.

21h35 - Ela entra no palco, sorridente como nunca e eu me acabo de gritar. Meu corpo tremia todo e sim - era ELA! Ali, na minha frente.

23h30 - O show acaba. Estou perplexo, absurdamente passado. O que foi isso? Esse show é para dobrar a língua de quem fala que ela está velha e não dança nada. A mulher não pára um segundo!!! Ela pula corda! E que corpo é esse???? Tudo durinho e ela é linda. Aquilo era Inveja da bicha-feia.
Ela é perfeita.

00h - Ainda não consegui sair do estádio. Resolvi comprar o Tourbook e me perdi dos meus amigos.

00h15 - O entorno do estádio está infernal. Muita gente, muitos carros e muito trânsito. Resolvemos andar um pouco até onde o trânsito estivesse fluindo para pegar um táxi.

00h40 - Tudo parado. Não iríamos entrar em um táxi pra comer o taxímetro.

1h40 - Chegamos ao Morumbi Shopping. Pés? O que são isso? Pernas? existem?

2h30 - Todos devolvidos para suas respectivas casas e o carro devidamente guardado. Agora é hora de dormir e descansar para o show de domingo!

4 comentários:

Bubbles disse...

ahhaahahuahuaha
comico!

SAM disse...

Nós fomos caralhoooooooooooooooooo!

SAM disse...

Nós fomos caralhoooooooooooooooooo!

introspective disse...

"A missão de conseguir marido já era. Só tem bissinha." HAHAHAHAHAHA

(bem, eu nem cogitei ir ao show. se pelo menos fosse o Confessions...)